Sabemos que não é fácil administrar uma oficina mecânica. Existem vários tipos de administração, desde aquela que fica em cima dos funcionários e quer acompanhar de perto tudo que é feito até a mais camarada, que deixa os colaboradores mais à vontade e confia que tudo sairá como o planejado. Porém, independentemente de qual seja o seu estilo, existem alguns fatores que precisam ser seguidos ao fazer a gestão de uma oficina mecânica para garantir a proximidade com os clientes e o crescimento da receita.

Para te ajudar a organizar o seu negócio, atrair mais clientes e aumentar os lucros, listamos abaixo 6 dicas infalíveis para gerir uma oficina mecânica com sucesso. Acompanhe!

1. Qualifique os profissionais que trabalham para você

A diferença que faz o cliente escolher entre a sua oficina mecânica e a do concorrente nem sempre vai ser o preço: a qualidade do trabalho também tem muita relevância nas decisões de compra. Por vezes, um cliente está disposto até a pagar mais caro para garantir um serviço bem feito.

Porém, para garantir que o melhor serviço é feito no seu negócio, os seus profissionais precisam ser treinados sempre nas técnicas mais eficientes e modernas do mercado. Isso é especialmente verdade se levarmos em consideração que o mercado automobilístico está em constante transformação e se tornando cada vez mais tecnológico.

Depois que o investimento tenha sido feito e todos estiverem treinados para a melhor operação possível, aproveite para aumentar os seus preços e divulgar a mão de obra qualificada como um diferencial do seu negócio. Assim você consegue ter um retorno que pague o investimento feito na capacitação do seu pessoal.

Além disso, essas capacitações também podem causar outra possibilidade interessante: ao especializar seus funcionários em determinadas marcas ou modelos de automóveis, a sua oficina ganha ainda a chance de ser reconhecida por uma montadora de carros como uma mecânica aprovada e indicada por aquela marca, o que traz mais credibilidade junto aos clientes.

2. Use um sistema de gestão para garantir a ordem das entregas

Quanto tempo, em média, leva cada serviço desenvolvido no seu negócio? Quais profissionais têm um melhor rendimento na sua oficina? Os atrasos nos serviços são comunicados aos clientes com antecedência? Qual é o prazo médio que cada fornecedor pede para enviar novas peças para os consertos? Saber tudo isso é essencial para uma boa gestão da sua oficina mecânica.

Essas perguntas são básicas para o bom funcionamento do seu negócio, então por que não investir em uma tecnologia que é utilizada para ajudar a respondê-las?

Usando um sistema digital para gerir uma oficina, você consegue determinar prazos para a entrega de cada serviço, acompanhar possíveis atrasos, comunicá-los antecipadamente aos clientes para evitar frustrações, ter um cálculo antecipado da sua receita semanal e até medir de quantas horas livres cada funcionário dispõe. 

Quanto mais dados você puder obter sobre o funcionamento da sua oficina, mais capacitado você estará para agir sobre estes números, no sentido de obter sempre melhores resultados.

3. Fazer a administração de uma oficina mecânica também significa organizar o ambiente de trabalho

Outro dos desafios de gerir uma oficina mecânica tem a ver com garantir condições para a máxima produtividade dos funcionários. Afinal, ambientes de trabalho tumultuados ou bagunçados podem causar uma baixa no rendimento e, por consequência, na receita do negócio.

Por isso, o primeiro passo é garantir uma arrumação à oficina de maneira que cada ferramenta que é utilizada tenha um lugar certo para ser guardada. Assim, os mecânicos não precisam ficar procurando materiais para realizar o serviço e sabem onde encontrá-los sempre.

Estimule também que os funcionários cumpram o ritual de devolver as ferramentas aos seus lugares, já que isso ajuda os colegas de trabalho e deixa o ambiente visualmente mais agradável aos olhos dos clientes também.

Além disso, certifique-se de fazer a manutenção nos equipamentos, de forma que não haja ferramentas desgastadas e ineficazes ou maquinário inoperante por defeitos. Dessa forma, os prazos de entrega dos serviços da sua mecânica nunca serão afetados por este componente tão simples do dia a dia.

4. Desenvolva um bom relacionamento para fidelizar clientes

A gestão de uma oficina mecânica não se trata apenas de fazê-la render o máximo de dinheiro possível, mas também de garantir que os clientes fiquem satisfeitos e voltem sempre a realizar novos serviços contigo.

Por isso, é importante garantir que qualquer pessoa que possa entrar em contato com o cliente tenha acesso a todas as informações sobre cada conserto. Assim, ela poderá sempre passar a informação mais atualizada referente a cada caso.

Além disso, os responsáveis pelo atendimento devem também saber explicar porque cada serviço está sendo feito, como cada peça é utilizada e o motivo delas estarem sendo substituídas. Afinal, os seus clientes não entendem de mecânica e podem se sentir enganados ao se depararem com um orçamento que prevê várias alterações ao seu veículo. Por via das dúvidas, explique tudo em detalhes e com calma para garantir a credibilidade do seu serviço.

E, por fim, lembre-se dos clientes no pós venda! Alguns dias depois de feito o serviço e devolvido o veículo ao motorista, vale entrar em contato para saber se está tudo bem com o automóvel. Outra boa ideia é ligar aos seus clientes periodicamente para lembrá-los das manutenções preventivas dos seus veículos (que podem ser notificadas pelo seu sistema de gestão).

Tudo que possa passar segurança ou poupar trabalho ao seu cliente é sempre uma boa ideia!

5. Amplie o portfólio de serviços

Para administrar uma oficina mecânica em direção ao sucesso, também é preciso estar apto a perceber quando chegou o momento certo de expandir a sua atuação.

Se você está acompanhando o desenvolvimento dos trabalhos no seu sistema de gestão e identificou que há profissionais com tempo livre ou caixa suficiente na empresa para contratar novos funcionários, uma boa maneira de oferecer um serviço mais completo aos seus clientes e ampliar a sua receita é aumentando o portfólio de serviços oferecido. 

Isso também é uma boa ideia para fidelizar o seu cliente. Afinal, oficinas que dispõem de poucos serviços podem causar uma migração da parte dos clientes para outros negócios, em busca de cuidados que elas não conseguem oferecer.

6. Divulgação é a alma do negócio

Não importa quão bem é feito o trabalho da sua oficina mecânica se os seus clientes em potencial não sabem que o seu negócio existe, certo? Por isso, para administrar uma oficina mecânica é preciso também ter um espírito marqueteiro de certa maneira.

Para tornar o seu trabalho conhecido, a distribuição de folhetos é utilizada com frequência, principalmente em escritórios, portarias de prédios e junto a outros negócios da região. Porém, você pode também optar por usar as redes sociais.

Além disso, aposte em falar com os clientes que você já possui. Divulgue serviços em promoção através de uma lista de contatos por e-mail ou WhatsApp, por exemplo. Aposte também em lembrar os seus clientes do retorno para procedimentos de rotina, como a troca de óleo do carro.

Por fim, vale ainda mantê-los informados sobre novas condições de pagamento, novos serviços oferecidos, novas especializações obtidas pelos seus funcionários e alterações no horário de funcionamento, por exemplo.

Este artigo foi interessante para você? Então, aprofunde os seus conhecimentos sobre como gerir uma oficina com os nossos conteúdos sobre 5 motivos para fazer um curso de mecânica automotiva, ferramentas que não podem faltar na sua oficina mecânica e o guia completo de alinhamento e balanceamento

Se você precisa administrar melhor a sua oficina mecânica, organizar processos, aumentar as vendas, controlar melhor seu estoque, nós temos a solução ideal para o seu negócio! Fale com o nosso especialista e tenha um diagnóstico completo!